Melhores professores de inglês não são britânicos nem americanos, diz linguista

David Graddol é um britânico  especialista em idiomas estrangeiros que já atuou como professor universitário e como editor. Recentemente ele coordenou duas amplas pesquisas realizadas a pedido do British Council, que é uma organização internacional com a finalidade de promover a cooperação entre o Reino Unido e nações estrangeiras nas áreas da língua Inglesa, educação e esportes . 

Entre vários assuntos tratados, ele afirma que o melhor professor para um curso de Inglês , não necessariamente é o nativo (aquele que nasceu no país onde a língua é falada). David entende que o professor brasileiro tem melhor condição de entender as dificuldades de um aluno que nasceu em nosso país e assim auxiliar seus estudantes de uma melhor forma .   

Saiba um pouco mais lendo a reportagem publicada no portal da Globo.com